últimas

Em Coari, Policiais da Base Arpão prendem grupo com 27 quilos de drogas


 

Policiais da Base Fluvial Arpão, da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), prenderam quatro pessoas em uma embarcação no porto de Coari (a 363 quilômetros de Manaus), na manhã desta terça-feira (18/08). Os suspeitos transportavam 27 quilos de maconha tipo skunk, avaliada em mais de R$ 400 mil.

 

Por volta das 10h, durante uma abordagem realizada pela equipe no expresso Ajato 2000, os policiais encontraram as bagagens com 27 tabletes de maconha tipo skunk, pesando 1 quilo cada um. As bagagens pertenciam a três mulheres, com idades entre 21 e 25 anos, e um homem, de 22 anos. Ao serem questionados sobre a substância entorpecente, eles afirmaram que vieram do município de Tefé com destino a Manaus, onde receberiam R$ 5 mil pelo transporte da droga. Além da substância entorpecente, três aparelhos celulares também foram apreendidos.

 

Os quatro suspeitos foram presos em flagrante pelo crime de tráfico de drogas. O homem já tinha passagem pela polícia pelo mesmo crime. Os infratores foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil da Base Arpão.

 

A Base Arpão atua de forma integrada com efetivos das Polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Federal, Força Nacional, Secretaria de Operações Integradas (Seopi), do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), além de médicos, dentistas e enfermeiros.

 

A ação ocorre em conjunto com a Operação “Hórus”, um dos eixos do Programa Nacional de Segurança de Fronteiras e Divisas (Vigia), do Ministério da Justiça.


Além de denúncias ao 181, o disque-denúncia da SSP, é possível repassar informações às equipes da base por meio do WhatsApp (092) 98435-6203.

 

FOTO: Divulgação/SSP-AM

 

Mais informações: Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM): Tabajara Moreno (3652-2022, 99210-8956 e 99191-8322) e Jhemisson Marinho (98274-1234). E-mail: assessoriasspam@gmail.com.

Nenhum comentário