últimas

Carro colide com ônibus em cruzamento perigoso no São Jorge

Manaus (AM) – Um acidente de trânsito envolvendo o carro de uma autoescola e um ônibus de transporte particular no cruzamento das ruas Doutor Dalmir Câmara e Senador Cunha Melo, no bairro São Jorge, Zona Oeste de Manaus, por volta de 8h30 desta quarta-feira (26), deixou um condutor lesionado e muitos estragos. 



De acordo com o motorista do carro da autoescola, um motociclista cruzou, em alta velocidade, na frente dele. Para não bater no motoqueiro, o condutor fez um rápido desvio a esquerda e acabou se chocando contra o ônibus, que também passava pelo local.    


“Estou sentindo muita dor no meu peito e não teve como evitar. Ou desviava desse doido, que cortou a minha frente em alta velocidade, ou teria acontecido alguma morte. Acabou com a frente do carro da nossa empresa e atingiu o ônibus”, disse o motorista, que não quis ser identificado. 



O condutor do ônibus conta que tomou um susto e lembra o quanto este cruzamento necessita de sinalização. 


“Eu só senti a pancada no ônibus. Atingiu a lateral. Pensa em um local que acontece acidente. As pessoas não têm atenção e querem dirigir em altíssima velocidade”, afirma. 


O para-choque frontal do carro da autoescola foi lançado para longe e o trânsito ficou complicado na área, até a chegada de um caminhão guincho para remover os veículos. 


*Perigo constante* 


Não é de hoje que os acidentes no cruzamento vêm ocorrendo. Um dos casos mais graves ocorreu em 2019, quando um motociclista colidiu contra um carro Corsa/Classic, de cor prata. 



Com o impacto, o motociclista foi arremessado e sofreu uma lesão no braço esquerdo. A mulher de 45 anos, que conduzia o veículo de passeio, permaneceu no local para prestar apoio.  


*Denúncia*


As reclamações também são antigas sobre a necessidade dos órgãos de trânsito tomarem providências na área. 


“Já vivemos mais do que fatos. É porrada de dia e noite nessa encruzilhada. Temos medo até de passar pelo local, porque vai que um carro desses perde o controle", disse a autônoma Roberlane Dias, 27 anos, moradora da rua Senador Cunha Melo. 


No local, um restaurante tenta alertar os condutores com os perigos de dirigir em alta velocidade, por meio de um aviso no muro. 


“Pare, cruzamento perigoso”, diz o alerta. 


Fonte: Em tempo

Nenhum comentário